Blog

Exercícios físicos e o câncer! A atividade física pode, sim, reduzir o risco de câncer e ainda auxiliar no tratamento

2 de março de 2017 - Por:

Você sabia que somente para o ano de 2016, a estimativa do Instituto Nacional de Câncer (Inca) é de 600 mil novos casos da doença? Que nos próximos 60 segundos, 16 pessoas ao redor do mundo morrerão vítimas de algum tipo de câncer e metade dos homens e mulheres que alcançam os 85 anos irá morrer em decorrência dessa enfermidade? São informações assustadoras, não é?

 

Felizmente, apesar dos dados alarmantes, algumas atitudes podem ser tomadas para evitar o câncer. Entre elas está a prática de exercícios físicos. Pesquisas indicam que indivíduos que se exercitam apresentam um risco menor de desenvolver os tipos mais comuns de câncer, como o de mama, próstata e cólon.

 

De acordo com o estudo publicado na revista científica JAMA Internal Medicine, a prática de exercícios está associada a uma redução de 7% na probabilidade de desenvolver qualquer tipo de tumor. Quando praticada regularmente, a atividade física pode reduzir em até 30% o aparecimento de câncer, segundo pesquisa publicada pela Universidade de Taubaté. Esse é um percentual considerável que reflete, principalmente, na qualidade de vida do indivíduo.

 

A busca por uma vida mais equilibrada e saudável pode trazer diversos benefícios. Já foi provado que a obesidade em conjunto com o sedentarismo podem ocasionar 20% dos casos de câncer de mama e 25% dos tumores malignos do cólon.

 

Diversas atividades biológicas podem explicar o efeito que exercício físico apresenta na evolução de tumores malignos. A maioria dos especialistas considera que o trabalho muscular reduz os níveis de insulina no sangue e de certos mecanismos de crescimento liberados pelo tecido adiposo, principais estimuladores da multiplicação das células malignas.

 

Além disso, praticar atividades físicas é seguro, sim, mesmo durante o tratamento. Pode ser que seja necessário reduzir a intensidade e a quantidade de exercícios, mas isso só um especialista vai avaliar. O importante é manter-se ativo.

 

Do ponto de vista científico, embora a relação entre atividade física e câncer não seja algo definitivamente esclarecida, as informações que temos até agora são muito claras e nos permitem dizer que qualquer indivíduo diagnosticado com câncer deve focar em praticar exercícios físicos com a mesma energia e dedicação com que enfrenta cirurgias e demais formas de tratamentos.

 

Portanto, não perca essa oportunidade e use o exercício para combater esse grande mal. Bons treinos!

 

Alguns dos benefícios da prática do exercício físico:

 

– Melhora o sistema imunológico

– Reduz a formação e evolução de tumores cancerígenos

– Regula os radicais livres

– Melhora a autoestima, humor e qualidade de vida

– Diminui o risco de desenvolver depressão

– Melhora o humor e o relacionamento social

– Ajuda controlar o peso

 

TÂNIA MARY GOMEZ é presidente do Instituto Humanista de Desenvolvimento Social – Humsol e vice-presidente da Femama.

www.humsol.com.br

Conheça a história da Tânia acessando revistaviver.com.br

 

Posts Relacionados

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Comentários

Comentários

Leave a Reply